Brasil de que Jeito?

Eu não acho que o Brasil tenha um jeito. Eu acho que o Brasil tem jeito.
Pra dar esse "jeito" no Brasil que o povo do Brasil acha que tem que ser dado, seja nos botecos ou nas universidades, sabemos exatamente quem tem que tomar jeito neste país: ninguém menos que nossos políticos e nossa elite, não necessariamente nesta ordem.
Estamos fartos de sermos sangrados por um Estado falido que nos imputa a maior carga tributária do mundo e não nos atende com saúde e educação decentes. Mas não sou parte dos que acreditam que, como o Estado não age corretamente nestas áreas, devo apenas reduzir a minha parcela de imposto de renda e entregar tudo a iniciativa privada e agir com políticas de compensação. O caminho a seguir deve contemplar um meio termo que alie o fortalecimento da inciativa privada com a presença do Estado.
Sinceramente, caso elegéssemos homens comprometidos com a defesa dos interesses nacionais (o que difere em muito de "homens santos") nada disso seria problema.
O problema é que nossas elites são "sanguessugas", "vampiras" e covardes e retro-alimentam este cenário deplorável de políticos mafiosos. Somos reféns de feudos de poder no Judiciário, Executivo e Legislativo. Poderes minúsculos que vão do policial da blitz ao fiscal corrupto personificando a falta do princípio de autoridade. Reféns dos conchavos de cúpula no Congresso que "andam" pro compromisso com a população. Reféns da elite cultural que nada na piscina da mesmice e fala para si própria. Reféns do descaso dos próprios injustiçados, ditos sindicalistas.
Precisamos dar uma lição a "elles" e essa lição obedece a duas regras básicas:
1) Devemos escolher políticos comprometidos com o "jeito" que queremos para o Brasil
2) Apenas ao mudarmos a "cara" das elites e entidades de classe e chamá-las à luta poderemos fazer pressão de mudança

O Brasil tem jeito e, de um jeito ou de outro, precisamos nos desvencilhar da crença de que o país tem um jeitinho que o torna insolúvel. Quero o Brasil do jeito que o queremos.

Postagens mais visitadas

...