Sempre há algo de podre no reino de Ferrabrás quando a distinta publicação que ilustra esse post aparece. Consegue em mim um efeito pior do que os Globais.
Espero que todos possam refletir sobre o que significa o que estamos fazendo: REFERENDANDO OU NÃO UMA LEI QUE PREVÊ O FIM DA COMERCIALIZAÇÃO DE ARMAS.
Já disse em outros lugares e vou repetir aqui, somente para oficializar a minha opinião: Apesar de saber que tudo isto não passa de uma farsa eu votarei pelo SIM.
Não farei campanha. Voto sob protesto pois não cabe à sociedade civil discutir um tópico como esse. Elegemos um Congresso que nada decide. Como não posso fugir a essa realidade e me recuso a votar nulo, voto pelo sim mas digo: façam o que quiserem, só não saiam por aí repetindo mentiras que viram nos jornais, revistas e tevê, independentemente do que escolherem.

Postagens mais visitadas

...