Morre o Genocida


Mas sabemos que ainda haverá os que falarão bem do Ditador. Falarão bem do "seu" General, seu braço armado.
A história não poderá enumerá-los, são muitos e, escondidos nesse anonimato, continuarão xenófobos, autoritários e tão genocidas quanto seu líder.
O avanço "liberal" da economia chilena não servirá de consolo às mães e órfãos assim como não serviu aos alemães.
Que morram todos os Genocidas!
Que morram torturados pela perspectiva do Inferno!
Vão em desgraça, miseráveis!

Postagens mais visitadas

...