Queria desvendar a imensidão do Universo
Mas o mar refletido em teus olhos castanhos
Me fez esquecer a essência das coisas
Minha perplexidade diante da existência

Minha perplexidade diante da existência
Sumia na espuma das ondas espelhadas
E onde eu era certeza não mais me conhecia
Ficou apenas o mar que tua íris refletia

Postagens mais visitadas