• Diálogo Sobre o Fim do Mundo

Um cometa estava para se chocar com a Terra dentro de um prazo de aproximadamente 48 horas, 35 minutos, 8 segundos e 3 milésimos. Num boteco cospe- grosso no centro do Rio de Janeiro, vários indivíduos se reuniram inesperadamente para discutirem o futuro da malandragem carioca.

Pacifista (fumando maconha) : "A guerra é a arte dos tolos que pintam o céu de cinza e mancham o horizonte e a terra de vermelho com as chamas da destruição e o sangue das criancinhas inocentes."

Filósofo (cofiando o bigode): "A priori, é tudo uma conspiração do meio. Todas as afecções, se trabalhadas, transformadas numa maiêutica através do conhecimento da dor, do excesso da dor, purificam e fazem o homem conhecer a si mesmo. A posteriori...Deus está morto!"

Existencialista (pensativo e introspectivo): "Como iremos nos comportar quando tudo acabar dentro de nós? O que seremos quando for revelado que nada somos diante da imensidão do universo?"

Menino de rua (com um saco de cola e um pacote de mariolas): "Tio, compra uma mariola? É dez centavo..."

Padre: "Queridos irmãos, vamos rezar! Em breve estaremos diante do Pai. Mas lembrem-se: não devemos nos apegar às coisas materiais. Corram até a Candelária e doem seus bens e se arrependam de todos os pecados. Vamos rezar..."

Pastor protestante: "É o diabo!!! É ele que vai acabar com todos nós! Doem! Doem tudo! Tudo o que puderem doar! O Mundo vai acabar! Cuidado com satanás!"

Advogado: "Data vênia! Data vênia! Data vênia!"

Desempregado (com trajes de rodoviário): "eu poderia estra roubando, poderia estar matando, poderia estar estuprando, poderia estar fraudando o INSS, mas venho até aqui, senhoras e senhores, interromper essa tragédia para pedir uma singela colaboração. Minha esposa está grávida, com sífilis e sem as duas pernas. Serve qualquer moedinha, vale-transporte, ticket refeição...Quem puder ajudar eu agradeço, quem não puder eu agradeço também."

Empírico: "Já sei! Podemos nos mudar para outra dimensão!"

Político: "Eu prometo que assim que o recesso terminar, até as próximas eleições...Eu faço!"

Prostituta (recém chegada da Vila Mimosa): "Hummmm...Vai uma chupetinha?"

Partido de extrema esquerda (todos gritam): "Ai!Ai!Ai!Ai! Em cima em baixo puxa e vai! Ai!Ai!Ai!..."

Homem desesperado: "Porra!!! O mundo está para acabar! Se existe outro lugar, outra dimensão, ou qualquer merda...o que vamos fazer, porra?! Onde arrumamos as passagens, porra?!"

Prático: "Já sei! A Ticketmaster!!! Eles já devem ter os ingressos, quer dizer, as passagens! E ainda será mais barato do que trazer os Rolling Stones ao Brasil!"

Assim, todos continuaram a discutir as suas idéias. Cada um defendia de forma veemente aquilo que acreditava. Porém, às 48 horas, 35 minutos, 8 segundos e 3 milésimos estavam quase no fim, o momento fatídico se aproximava. Fez-se um agonizante silêncio na Terra e no Centro do Rio foi decretado ponto facultativo para os funcionários públicos.
Mas de repente, tudo mudou. Não se sabe se por um milagre ou por força da ciência, o gigante cometa destruidor se desviou milímetros e saiu da rota da Terra. Todos ficaram espantados. Continuaram, por um breve momento, a contemplar o céu boquiabertos e calados com um ar de frustração. Vendo que o mundo não ia acabar, cada um voltou para sua casa com a certeza de que tudo aquilo que falaram, já não valia mais nada.


Mais uma de Rômulo Narducci

Postagens mais visitadas

...